Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P.
02
AGIR: Avaliação da eficiência da água e energia em aproveitamentos hidroagrícolas





Designação do projeto | AGIR: Avaliação da eficiência da água e energia em aproveitamentos hidroagrícolas 

Código do projeto | PDR2020-101-031866
Objetivo principal | Otimizar o uso da água e da energia no regadio, reduzindo perdas, com  uma nova ferramenta de diagnóstico e avaliação.  
Região de intervenção | O projeto centra-se no estudo de casos-piloto de três aproveitamentos hidroagrícolas: Odivelas, Vigia (ambas no Alentejo) e Vale do Sorraia (no Ribatejo), a partir do qual está a ser desenvolvida uma matriz de avaliação universal.
Entidade beneficiária | Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P. (INIAV)
Data da aprovação | 2017-05-31 
Data de início | 2017-07-05
Data de conclusão | 2021-01-31
Custo total elegível | 18 633,24 €
Apoio financeiro da União Europeia | FEADER (Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural) –
11 179,94 €
Apoio financeiro público nacional/regional | 2 794,99 €

Objetivos, atividades e resultados esperados:
Os parceiros do projeto AGIR estão a desenvolver um sistema de avaliação de desempenho da eficiência do uso da água e da energia nas redes de transporte e distribuição de água para agricultura, que ajudará as entidades gestoras dos perímetros de rega públicos a tomar decisões fundamentadas sobre investimentos de modernização e gestão das infraestruturas. Ao nível da parcela agrícola estão a ser identificados fatores críticos de intervenção e serão feitas recomendações para melhorar os sistemas de rega e o uso da água e da energia (dimensionamento ou reconversão de sistemas, alterações nas dotações e intervalos de rega). 

PLANO DE ATIVIDADES


Do projeto resultará um Manual de Boas Práticas de Rega destinado aos agricultores. Mais de 50 entidades gestoras de água e 200.000 hectares de regadio podem vir a beneficiar desta nova matriz de avaliação.









Governo de Portugal
w3c
acessibilidade
seara.com