Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P.
27
NUTRIOLEA - Grupo Operacional Nutrição e fertilização do olival superintensivo






Designação do projeto
| NUTRIOLEA - Grupo Operacional Nutrição e fertilização do olival superintensivo

Código do projeto | PDR2020-101-031908
Objetivo principal | Efetuar recomendações de fertilização racional para olivais superintensivos, com base no conhecimento do estado de fertilidade do solo e de nutrição das oliveiras, bem como da qualidade da água de rega e produção esperada.
Região de intervenção | Nut 2 - Alentejo
Entidade beneficiária | Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P. (INIAV)
Data da aprovação | 2018-03-28
Data de início | 2017-04-01
Data de conclusão | 2021-12-31
Custo total elegível | 401 827,12€
Custo elegível INIAV | 273 755,54€
Apoio financeiro da União Europeia | FEADER (Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural) –
247 334,75€ (INIAV -168 503,38€)
Apoio financeiro público nacional | 54 035,73 € (INIAV - 36 813,28€)

Objetivos específicos: 

  1. Estabelecer valores de referência para interpretação dos resultados da análise foliar em olivais superintensivos (SI) da cultivar Arbequina em produção, em diferentes épocas do seu ciclo associadas a alguns dos principais estados fenológicos, com o objetivo de diagnosticar desequilíbrios nutritivos.   
  2. Definir os períodos de ocorrência dos principais estados fenológicos da cultivar ‘Arbequina’ em olivais SI, nas principais zonas de produção do Alentejo.

Atividades desenvolvidas
Seleção de olivais SI da cultivar Arbequina em 10 concelhos do Alentejo (Alter do Chão, Avis, Beja, Campo Maior, Elvas, Ferreira do Alentejo, Fronteira, Monforte, Mourão e Serpa) nos quais foram marcadas 30 unidades de amostragem (UA). 
Colheita e análise de amostras de terra, de folhas e de água de rega, em todas as UA. 
Controlo da produção nas distintas UA e determinação do rendimento em gordura da azeitona. 
Marcação de conjuntos de oliveiras das cultivares Arbequina e Arbosana, em alguns olivais SI, para estudar a evolução dos nutrientes nas folhas ao longo do ciclo, bem como do teor de gordura na azeitona.
Registo da época de ocorrência dos principais estados fenológicos nas UA e nas oliveiras marcadas. 
Estudo do efeito da cultivar na composição mineral das folhas em alguns estados fenológicos. Ações de divulgação do projeto.

Resultados esperados: 
Os resultados obtidos constituirão a base de um Manual técnico de fertilização para olivais superintensivos que contemple: 
(I) Os períodos de ocorrência dos principais estados fenológicos da cultivar Arbequina em importantes zonas de produção do Alentejo; 
(II) A evolução dos nutrientes ao longo do ciclo em folhas do ano da cultivar Arbequina, bem como do teor de gordura na azeitona em olivais SI; 
(III) Valores de referência para interpretação dos resultados da análise foliar para a cultivar Arbequina, num ou mais períodos do seu ciclo; 
(IV) Contributo para a melhoria das recomendações de fertilização de produção em olivais SI, com base nos resultados da análise de terra e da análise foliar, tendo presente a qualidade da água de rega e a produção esperada.

Identificação das entidades que integram o grupo operacional: 
INIAV, I. P. - Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P. - Líder (PDR2020-101-031908)
AORE - Associação dos Olivicultores da Região de Elvas (PDR2020-101-031912)
OLIVUM – Associação de Olivicultores do Sul (PDR2020-101-031926)
SOFAC – Sociedade Olivícola F. A. Callado, S.A. – ELAIA (PDR2020-101-031932)

Divulgação do Grupo Operacional Nutriolea: 
  • Workshop Regional de Inovação na Agricultura. Fileira: Olivicultura, que decorreu em Elvas a 5 de novembro de 2019*:
  • VI Jornadas Olivum que decorreram em Beja a 26 de novembro de 2019*.
  • AGRi CIMEIRA - Cimeira Nacional Inovação na Agricultura, que decorreu em Oeiras a 29 de outubro de 2018*:
*Sob a forma de painel.
  • Artigo publicado em duas revistas técnicas:
Jordão, P. 2019. Importância dos valores de referência para interpretação dos resultados da análise foliar em olivais em sebe. Oleavitis, Revista Técnica de Olivicultura e Azeite, abril/maio/junho, nº 38, pg.s 6 a 8; e Vida Rural, nº1851, outubro, 34-35.  
  • Aulas ministradas aos alunos do Mestrado em Agronomia da Escola Superior Agrária de Beja (ESAB), sobre a Nutrição e Fertilização do olival. Aulas que ocorreram a 24 de outubro de 2019 e a 18 de outubro de 2018.    



Governo de Portugal
w3c
acessibilidade
seara.com