Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P.
07
TECOLIVE - Técnicas e tecnologia para valorização de subprodutos em olivicultura



Designação do projeto | TECOLIVE - Técnicas e tecnologia para valorização de subprodutos em olivicultura

Código do projeto | PDR2020-101-031764
Objetivo principal | Com o presente grupo operacional pretende-se definir uma técnica de produção em olival que permita a sustentabilidade económica do sector minimizando o impacte ambiental.
Região de intervenção
| Alentejo - Monforte
Entidade beneficiária | Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P. (INIAV)
Data da aprovação | 2018-06-28
Data de início | 2019-01-10
Data de conclusão | 2021-12-31
Custo total elegível | 96 795,16 €
Apoio financeiro da União Europeia | FEADER (Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural) –
58 077,10 €
Apoio financeiro público nacional/regional | 14 519,28 €

Objetivos, atividades e resultados esperados:

Os objetivos específicos do trabalho experimental a desenvolver neste Grupo Operacional, serão:
  • Objetivo 1 – Testar a viabilidade técnica e económica da produção de um corretivo orgânico maturado (composto) com base em subprodutos do olival e efluentes de atividade pecuária;
  • Objetivo 2 – Avaliação de tecnologia de distribuição na linha, na sua capacidade de depositar uma camada uniforme de composto maturado com a densidade de distribuição requerida;
  • Objetivo 3 – Avaliação do impacto da aplicação do composto ao olival na fertilidade e estrutura do solo, no nível nutricional das oliveiras, no estado sanitário do olival e na produção de azeitona. Análise detalhada dos efeitos da aplicação do composto sobre uma cultura anual, em ambiente condicionado.

Actividades desenvolvidas:
  • Constituição da pilha de compostagem utilizando a mistura apropriada de materiais orgânicos (folhas e raminhos provenientes da limpeza da azeitona e estrume) caracterizados previamente.
  • Monitorização da pilha de compostagem (avaliações periódicas de temperatura, humidade e C/N).
  • Operações de revolvimento (arejamento) e humedecimento da pilha.
  • Marcação da unidade experimental em olival superintensivo da cv. Cobrançosa.
  • Avaliação do estado nutricional das oliveiras através da colheita e análise de amostras foliares.
  • Avaliação do estado de fertilidade do solo através da colheita e análise de amostras de terra.
  • Aplicação do composto no ensaio do olival superintensivo da variedade cobrançosa.
Resultados esperados:
  • A definição da composição e técnica de produção de um composto feito com base em subprodutos não tradicionalmente aproveitados para o efeito;
  • Experiência de utilização, nomeadamente, regulações e desempenho de uma solução mecanizada, de conceção e fabrico nacional, para aplicação de fertilizantes orgânicos nas linhas de pomares;
  • O reflexo da aplicação de diferentes dosagens do composto, em duas tipologias de olival: variedade galega (7m×5m) e variedade cobrançosa (6m×1.5m).



Ao aceder a esta página, é feito automaticamente o download do vídeo.






Governo de Portugal
w3c
acessibilidade
seara.com